Ceilândia recebe aulão de dança grátis no domingo

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A capital está respirando
dança neste mês de julho. Em sua 26ª edição, o Seminário Internacional de Dança
de Brasília, além de oferecer cursos de todas as modalidades desta arte, também
vai contemplar o público com espetáculos gratuitos até o dia 30 deste mês.
Neste domingo, o evento tomará conta do Centro Cultural da Ceilândia (QNN 13 –
Ceilândia Norte) e agraciará os interessados com um “aulão” grátis.

A Companhia de Dança Rodrigo Cruz estará às 9h promovendo uma aula aberta de
dança contemporânea para iniciantes e intermediários no local. Basta chegar e
dançar.

Quem for ao centro cultural vai poder ainda conferir trechos do belo espetáculo
“Suite Com Músicas de Claudio Santoro”. A produção é montada pela companhia
Faces Ocultas, de Salto (SP), que dançará prelúdios do maestro que se eternizou
na história de Brasília. A trilha sonora é executada pelo pianista Pablo
Marquine (UnB).

Sobre a Companhia de Dança Rodrigo Cruz

Criada em 2012 na cidade de
Samambaia, a Companhia de Dança Rodrigo Cruz é integrada por jovens bailarinos
oriundos de diversas vertentes da dança. Nas suas fortes coreografias, eles se
propõem a discutir questões da atualidade de forma peculiar, mantendo o foco no
desenvolvimento técnico, na pesquisa estética, no cultivo da ética, no trabalho
com a multiplicidade de ideias e na formação artística.

Fundada pelo dançarino Rodrigo Cruz, a cia destaca-se ainda por participar de
projetos sociais na capital federal. No currículo de Rodrigo constam
espetáculos como “Pele que Habito” e “ Batucalha”, coreografia premiada em 2014
no Festival Taguatinga Dança. Hoje, ele leciona no Centro Cultural da
Ceilândia.

Sobre a Faces Ocultas

A companhia Faces Ocultas, de
Salto (SP), foi criada em maio de 1997 por bailarinos e artistas interessados.
Coordenada pelo coreógrafo e bailarino Arilton Assunção, a cia acumula mais de
200 prêmios e já esteve presente nos principais festivais de dança do País. A
Faces Ocultas preza por trabalhos de dança contemporânea e por uma linguagem
que contempla pesquisas e novas concepções coreográficas. A ideia, segundo
Arilton, é valorizar a fusão da técnica clássica com outras modalidades da
dança.

O Seminário

A 26ª edição do Seminário
Internacional de Dança de Brasília é uma realização da Secretaria de Cultura do
Distrito Federal com patrocínio do FAC – Fundo de Apoio à Cultura e Secretaria
de Cultura do Distrito Federal. O evento contará com espetáculos gratuitos,
“Arte nos Trilhos” – com danças e intervenções nos metrôs da capital federal –
Flash Mobs (as conhecidas aglomerações inusitadas) em diversos locais da
cidade, além de aulas de dança. Quem quiser se inscrever e participar das aulas
de diversas modalidades, basta acessar o site:www.dancebrasil.art.br. Os preços
variam entre R$ 610, por 20 tickets e o direito a 20 aulas, e o passe livre, no
valor de R$ 950

Serviço:

26º Seminário Internacional de Dança de Brasília – De 11 a 30 de julho
Aula com Rodrigo Cruz e apresentação da Cia Faces Ocultas – Domingo, 24 de
julho, às 9h, no Centro Cultural da Ceilândia (QNN 13 – Ceilândia Norte).
Informações: 3272-3145
Entrada franca.
Classificação livre.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: