Ceilândia: Lixo provoca incômodos no Sol Nascente

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Sem lixeiras nem coleta regular do lixo, os moradores do Condomínio Sol Nascente, localizado em Ceilândia, são obrigados a conviver com a sujeira. A falta de um local apropriado para  depósito faz com que os restos de  material orgânico e os resíduos secos sejam jogados ao longo das ruas da cidade. Em alguns pontos, o lixo se amontoa e chega a ficar três dias sem ser recolhido. Os moradores afirmam que a situação piora ainda mais nessa época das chuvas.
A principal avenida do condomínio transformou-se em depósito de lixo. Em cerca de um quilômetro de extensão é possível ver pelo menos dez pontos onde o lixo é despejado. De acordo com os moradores, isso ocorre porque o Sistema de Limpeza Urbana (SLU) não entra nas ruas para recolher o lixo do condomínio.
A região do Sol Nascente abriga mais de 25 mil famílias que, sem coleta de lixo nas ruas, tem como única alternativa despejar o lixo doméstico e o entulho nas esquinas da avenida principal, uma das poucas vias do condomínio que conta com o serviço de recolhimento dos resíduos. “Todo mundo que mora na quadra vem e joga o lixo aqui na esquina” afirma a comerciante Geane Lopes dos Santos.
Na avenida, o material que fica em contato direto com o chão atrai insetos e ratos. Além disso, cachorros, pombos e cavalos espalham ainda mais o lixo pela região. O mau cheiro pode ser sentido a qualquer hora do dia. Segundo Geane, além do odor horrível, constantemente, o lixo tem causado prejuízos. Ela tem uma loja na avenida e diz que não consegue alugar o estabelecimento porque a lateral do comércio é o local onde a população joga o lixo.
“Há pelo menos seis meses estou com o imóvel fechado. Não consigo alugar por conta da quantidade de lixo que as pessoas jogam aqui. Não posso reclamar, porque é assim que ficou estabelecido, os moradores teriam que deixar o lixo nas esquinas. Infelizmente um desses locais é a porta da minha loja”, afirma.
Jornal de Brasilia

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: