Deputada diz que é impossível votar o PPCUB e a LUOS em 2013.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Desde que o Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília – PPCUB chegou à Câmara Legislativa, no inicio do ano,  que a deputada Celina Leão (PDT) fez um apelo para que o Executivo retirasse o projeto para aprofundar os debates  e a análise da proposta.

À época ficou acordado, com o Ministério Público, a criação de um grupo de trabalho para estudar o texto, o que não foi feito. “O governo queria aprovar o projeto da forma que estava e não permitiu  alterações, nem o grupo de trabalho”, recorda a deputada.

Agora o projeto volta à pauta da Casa e Celina Leão diz que é impossível votar o PPCUB e  a LUOS  em 2013.  “Não dá para discutir em 45 dias um plano polêmico, que acabou de chegar, as escalas e mapas de zoneamento ficaram prontas ontem”, afirma a deputada.
A parlamentar, que é membro da  Comissão de Assuntos Fundiários (CAF), esteve presente no primeiro dia de debates,  para discutir o projeto que altera o PPCUB. Em meio aos embates entre representantes do Governo do Distrito Federal, parlamentares e a sociedade civil, a deputada Celina Leão, devido aos pontos polêmicos que cercam o projeto, decidiu procurar o Ministério Público na Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística – Prourb e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN para tratar do projeto.

Informou Ass. Deputada Celina Leão

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: