Corregedor do TRE determina arquivamento de inquérito envolvendo Raad Massouh.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Raad é acusado de falsidade ideológica: MPE não encontrou elementos que justificassem a denúncia na Justiça EleitoralDivulgação
O corregedor-regional e vice-presidente do TRE-DF (Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal), desembargador Romão C. Oliveira,determinou o arquivamento do inquérito que apurava eventual ocorrência de crime eleitoral envolvendo o deputado distrital Raad Massouh.


O inquérito foi instaurado pela Polícia Federal para apuração de suposto crime de falsidade ideológica para fins eleitorais pelo parlamentar. A conduta está prevista no artigo 350 do Código Eleitoral e consiste em “omitir, em documento público ou particular, declaração que dele devia constar, ou nele inserir ou fazer inserir declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, para fins eleitorais”. A apuração avaliou hipótese de o deputado ter declarado ou nãouso de dinheiro de emenda parlamentar para campanha eleitoral ou a existência de falsa declaração à Justiça Eleitoral.

De acordo com o noticiado no inquérito, em decorrência de emenda parlamentar apresentada por Massouh, foram liberados R$ 100 mil para realização da 1º Festival Rural Ecológico de Sobradinho em 2010. O dinheiro foi encaminhado à Administração Regional daquela cidade e serviu para a contratação da produtora MCM, responsável pela contratação de artistas que se apresentariam no evento. As contratações teriam ocorrido com dispensa de licitação.

Todavia, o MPE (Ministério Público Eleitoral), a quem cabe propor denúncia em caso de indícios de autoria e materialidade, não encontrou elementos que fossem suficientes para justificar denúncia na Justiça Eleitoral.


Inicialmente, o tema seria discutido em plenário. No entanto, diante do posicionamento do MPE, o desembargador Romão decidiu de forma monocrática pelo arquivamento.
Informou R7

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: