Crescimento não planejado e inadequado vêm provocando prejuízos ao meio ambiente em Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Área reservada para o Parque Ecológico de Ceilândia, ao lado do campus da Unb, vem se tornando em grande depósito de lixo, entulhos e restos de materiais de construção a céu aberto. Carroceiros e empresas que prestam serviço de busca entulhos jogam lixo na região e fazem do espaço área depósitos, inclusive de containeres.


Ampliar a fiscalização e disciplinar as atividade dos chamados carroceiros e das empresas tipo disque entulhos que são pagas para levar entulhos e resto de obras aos locais de transbordos, terminam depositando incorretamente em terrenos desocupados e que agora se espalham para as áreas de proteção ambiental em Ceilândia.

Conscientizar a população para a necessidade de não jogar lixo em terrenos baldios, em áreas públicas e em áreas de preservação ambiental é um desafio a ser perseguindo pelos órgãos governamentais junto ao ceilandense. Dia 05 de junho se comemorará o dia Mundial do Meio ambiente, data em que se pretende chamar a atenção e a ação política de povos e países com vistas a aumentar a conscientização e a preservação ambiental. Fazer com que a população mude de atitude em relação ao uso dos recursos ambientais.
 
*ACIC

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: