Crianças da Ceilândia tiveram dia de diversão no Brasileirão Infanto Juvenil.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Foto: Anderson Pinheiro

Foto: Anderson Pinheiro
Alunos do Programa Tênis Comunitário tiveram atividades de tênis e assistiram jogos
Brasília/DF – Crianças que participam do Programa Tênis Comunitário na Escolar Classe Número 27 da Ceilândia, em Brasília, tiveram a oportunidade de conhecer o Campeonato Brasileiro Infanto Juvenil, quarta etapa do Circuito Nacional Correios Infanto Juvenil nesta terça-feira.
Alunos do programa visitaram o Clube do Exército e praticaram atividades lúdicas em uma das quadras de tênis do torneio seguindo o método de aprendizado que vem sendo utilizado desde a criação da Célula, no começo deste ano

.

Além das brincadeiras com raquetes e bolinhas de tênis em quadra, as crianças também aproveitaram para acompanhar uma das partidas do Campeonato Brasileiro Infanto Juvenil e ao final das atividades, almoçaram no restaurante do clube.
O coordenador do Programa na Célula é Ricardo Morais, treinador da equipe de capacitadores da Confederação Brasileira de Tênis, que ressalta a importância da atividade com as crianças no torneio e afirma que o tênis está ajudando a socializar os alunos.
“Os professores têm notado uma evolução no desempenho deles na escola, no comportamento, no respeito de um ao outro, pois apesar de ser um esporte individual, o tênis se aprende em grupo. Muitas dessas crianças jamais haviam conhecido o Plano Piloto de Brasília”, afirma Ricardo Morais.
O Programa Tênis Comunitário é mantido pela Confederação Brasileira de Tênis e os Correios, que neste ano lançaram a célula da Ceilândia na Escolar Classe Número 27, onde os alunos recebem aulas de tênis duas vezes por semana, sempre ministradas pela equipe de professores de Ricardo Morais.
O Programa Tênis Comunitário segue os padrões de ensino indicados pela Federação Internacional de Tênis (ITF) no programa Tennis Play & Stay, que utiliza bolas mais lentas e delimita a quadra em tamanho adequado para facilitar o aprendizado e proporcionar maior diversão para as crianças com o objetivo de mantê-las praticando o esporte.
CBT – Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: