Crimes curiosos aconteciam na Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Polícia do Distrito Federal prendeu três pessoas e deteve mais 12 na tarde desta quinta-feira (9) em Ceilândia, suspeitas dos crimes de furto, receptação e formação de quadrilha. Segundo a polícia, o grupo era especializado em furtos a supermercados.

Segundo o delegado Fernando Fernandes, responsável pela investigação, integrantes do grupo deixavam mulheres no início do dia na porta de supermercados e, no final da tarde, eles as recolhiam com os produtos furtados.

De acordo com o delegado, o flagrante foi feito em uma unidade de uma grande rede de supermercado no centro de Ceilândia. Uma mulher foi flagrada com produtos furtados e teria revelado como funcionava o esquema.

A polícia apreendeu ainda um carro com mercadorias supostamente furtadas. A gerência do supermercado informou que os produtos não eram do estabelecimento, o que levou a polícia a descobrir que o golpe era aplicado em outros locais.

No total, três pessoas foram indiciadas em flagrante. Os demais supostos integrantes do grupo estavam sendo ouvidos pela polícia, mas o delegado não conseguiu determinar o flagrante porque eles não tinham objetos furtados. Todos os presos e detidos já tinham passagem pela polícia por furto ou receptação.

Extorsão

Agentes da 24ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) prenderam em flagrante, na tarde desta quinta-feira (9), um rapaz acusado de tentar extorquir o antigo patrão. De acordo com o delegado Ailton Cunha, insatisfeito com a demissão, o ex-funcionário exigiu R$ 10 mil para não divulgar informações sigilosas da empresa em que trabalhava.

Em negociação com o ex-patrão, ele teria aceitado receber R$ 5 mil. O empresário avisou a polícia, que flagrou o momento da entrega do dinheiro. Segundo Cunha, o rapaz ainda tentou se esconder, mas foi preso em flagrante por extorsão.

http://100porcentoceilandia.blogspot.com/

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: