Denunciado no mensalão do DEM recebe título de cidadão honorário da CLDF

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A
Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou na manhã desta quarta (29)
sessão solene de outorga do Título de Cidadão Honorário de Brasília ao senhor
Odilon Aires Cavalcante. O evento, de iniciativa do deputado distrital Rafael
Prudente, ocorreu no plenário desta Casa e contou com a presença de
representantes políticos, familiares e da população. 
“O deputado Odilon Aires chegou a Brasília em
1975 e logo entrou para a política em 1979, quando iniciou os trabalhos no
PMDB. Em 1998, Odilon já fez história, quando conseguiu a maior bancada do
partido na Casa Legislativa” lembrou Rafael Prudente.

O
distrital completou: “Odilon Aires é um exemplo para todos os
parlamentares ativos na CLDF, uma vez que, foi eleito deputado distrital por
três vezes. Deputado que exaltou o funcionalismo público e em especial a
regularização fundiária da sociedade do Distrito Federal” disse. 

O
homenageado, Odilon Aires, agradeceu a condecoração. “Fico emocionado com
esse reconhecimento, toda essa conquista foi fruto de um compromisso que fiz
com a população do Distrito Federal. Quando comecei minha caminhada na
política, era conhecido como o PMDB da periferia, pois era a comunidade minha
maior preocupação como político nesta cidade” disse Odilon.




Junto
com Leonardo Prudente, pai do deputado Rafael Prudente, Odilon Aires foi
acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no “Mensalão do
DEM”. Em vídeo de 2006, o então deputado distrital aparece recebendo
maços de dinheiro das mãos de Durval Barbosa. Segundo o operador da quadrilha,
o deputado recebia 30 mil reais mensalmente. Odilon já havia se notabilizado por
um vídeo, dois anos antes, em que aparece reclamando com um grileiro sobre a
quantidade de lotes que havia recebido por uma operação supostamente irregular.
O motivo de queixa: segundo ele, Gim Argello, ganhara seis vezes mais lotes.

*Da redação com informações da CLDF e da Veja

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: