Diretor e secretário de escola em Ceilândia estariam levando lanche de alunos para casa.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Uma funcionária do Centro de Ensino Fundamental 12 de Ceilândia, região administrativa do DF, denuncia que secretário e diretor do colégio estão levando o lanche dos alunos para casa.

Ela fez um vídeo mostrando uma panela — que tem identificação da escola — cheia de comida no banco de trás de um carro, que supostamente pertence ao secretário.

A funcionária, que não quis se identificar, contou que esse alimento seria a merenda dos alunos e afirma que o secretário levou a refeição para casa.

— O diretor sempre pegava. Agora ele chama o secretário que vai junto com ele na cantina buscar o lanche. Depois eles levam para o carro. Isso aconteceu pelo menos três vezes.
Na porta da escola, parentes de alunos ficaram revoltados ao saberem da denúncia. A mãe de um dos estudantes, Luiza Cristina Alves, considera a atitude errada.
— O lanche é das crianças. Ninguém tem que levar a comida para casa, seja diretor, secretário ou quem quer que seja.

A reportagem da TV Record Brasília foi até a escola para tentar ouvir o secretário ou o diretor sobre essas denúncias. No entanto, ninguém quis abrir a porta do colégio para conversar sobre o assunto. De longe, o diretor chegou a negar o problema, mas logo se afastou.

O coordenador da Regional de Ensino também foi procurado para que o vídeo fosse mostrado, no entanto, ele estava em uma reunião no Plano Piloto, área central de Brasília, e não pode conversar. 
A funcionária do colégio acha errado as crianças ficarem sem lanchar porque o diretor ou secretário levam a merenda para casa.
— As crianças precisam do lanche. Tem escola que a criança nem lancha, porque não tem. Pode ser por isso aí, funcionário levando a merenda para casa. É preciso descobrir para onde eles estão levando a comida.
A Secretaria de Educação do DF também foi procurada, mas até o momento ninguém quis comentar o assunto.

Informações do R7

1 Comment

  • Avatar
    Anônimo , 10 de setembro de 2012 @ 19:25

    Sendo alimento já preparado justificado realmente como sobra, é muito jústo doar a quem necessita ao invés de jogar no lixo, porém deve haver por parte das regionais de ensino, critérios para essa doação, quanto a pessoa que denunciou deve haver segundas intençãoes! quais seriam ?

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: