Entorno-GO: Três são presos em GO após serem flagrados com notas de R$ 100 falsas.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Dois homens e uma mulher foram presos na sexta-feira (12), entre Abadiânia e Alexânia, em Goiás, suspeitos de falsidade ideológica, porte ilegal de arma e falsificação de moeda. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um casal foi detido durante a tarde, na BR-060, km 52, e o outro homem foi capturado por volta das 22h, em Abadiânia, a 89 km de Goiânia.
De acordo com a PRF, o trio foi descoberto após um acidente de carro na rodovia. Ao atenderem a ocorrência de capotamento, os policiais encontraram dois revólveres com munição dentro da bolsa da mulher. Com a descoberta, um dos homens envolvidos fugiu. A polícia informou que uma das armas apreendidas foi roubada há alguns meses em uma empresa de segurança de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana de Goiânia.
Apreensões
Segundo a PRF, o casal que ficou no local do acidente apresentou documentos falsos e dentro do veículo foram encontrados R$ 3 mil em dinheiro, sendo que 10 notas de R$ 100 eram falsificadas e algumas tinham a mesma série. Também foram apreendidos cartões bancários e comprovantes de saques em nome de terceiros, chips de celular, dois celulares e um notebook.
Ainda de acordo com a Polícia Rodoviária, a placa do veículo utilizado pelos suspeitos é de Belém, no Pará, e não possui registro de furto. Por esse motivo, a PRF acredita que o carro pode ter sido clonado, o que ainda não foi confirmado porque o veículo ficou destruído depois do acidente. A polícia está agora tentando descobrir quem é o verdadeiro dono do automóvel, que provavelmente está em Belém (PA).
A PRF informou que um dos detidos já possui passagem criminal por furto. Os envolvidos foram levados para o hospital e, posteriormente, encaminhados para a Polícia Federal de Anápolis, onde estão à disposição da Justiça.
G1 GO

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: