Entrevista: ‘O PT cometeu um estelionato político no DF’, diz Izalci Lucas, candidato ao GDF

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Entrevista: 'O PT cometeu um estelionato político no DF', diz Izalci Lucas, candidato ao GDF(Foto: George Gianni)

O deputado federal Izalci Lucas (PSDB) esteve na redação do Guardian Notícias na manhã desta quinta-feira, 31. Aproveitando a visita, Izalci concedeu uma breve entrevista ao GN, onde reafirmou sua pré-candidatura ao Buriti em 2014. De acordo com o tucano, o PSDB é o melhor partido de oposição e o único que pode de fato apresentar um plano de governo adequado para o DF.

GN- Qual o principal objetivo do PSDB hoje?


Izalci- Em âmbito nacional é eleger Aécio Neves, que sem duvidas é o melhor nome da oposição no Brasil. Já no Distrito Federal, nós precisamos resgatar tudo que foi perdido nos últimos anos.

GN- O senhor já se colocou a disposição do PSDB-DF para concorrer ao GDF em 2014. Essa é realmente a sua intenção?

Izalci- Sim. Eu cumpri o meu papel na Câmara dos Deputados. Consegui aprovar importantes projetos voltados para a educação e ciência e tecnologia. Tudo que me propus fazer no Congresso eu consegui, agora é preciso voltar ao executivo.

GN – E por que a intensão de ser candidato ao GDF em 2014?

Izalci- Por que o Distrito Federal deixou de ser referência, e hoje vive nas páginas policiais envolvido em escândalos. O PSDB tem os melhores governadores, sabe governar. Muitos dizem que nós não sabemos fazer oposição, mas não é verdade, o PSDB faz uma oposição responsável, ao contrário do PT. Agora, nós precisamos mostrar ao eleitor que nós temos um plano de governo, que o PSDB não quer uma eleição somente com nomes, e sim com propostas concretas.

GN- Existem rumores de que o senhor e o recém-chegado, o deputado federal Luís Pitiman, não se entendem no PSDB, tudo por que ambos querem ser candidatos ao GDF. O que realmente acontece dentro do partido?

Izalci- Não existe nenhum problema entre eu o Pitiman. Muito pelo contrário, eu fui um dos responsáveis pela vinda dele ao partido. Mas ele veio sem a garantia de legenda, não prometemos que ele seria candidato ao GDF ou a nenhum outro cargo. Nós o recebemos com o intuito de somar ao projeto tucano. O que ocorre é natural, pois ele também deixou claro que deseja concorrer ao GDF, e isso é legitimo.

GN- No Legislativo, quase 80% da CLDF é da base do governador Agnelo Queiroz. Qual a explicação para tamanha rejeição a um governo que prometeu um “novo caminho”?

Izalci – A forma de governar do PT é essa. Um governo de cooptação, na base do toma lá-dá-cá. O que o Agnelo Queiroz e Tadeu Fillippelli fizeram no DF foi um “estelionato eleitoral”, colocando cabos eleitorais em funções importantes do GDF, sem preparo nenhum.

GN – Como está a situação da disputa entre o PSDB-DF e o deputado distrito Washington Mesquita?

Izalci – A direção do PSDB-DF decidiu buscar o mandato de Mesquita, por entender que ele usou o partido. Eu acredito que possamos conseguir na justiça recuperar o que é de direito do PSDB.

GN – Para encerrar, como o senhor analisa a atual gestão Agnelo Queiroz?

Izalci – Governar não é para qualquer um. Se o Agnelo fosse diretor do Hospital do Gama, ele não saberia como administrar. A verdade é que ninguém mais aguenta quatro anos de PT, seja no Buriti ou no Palácio do Planalto.
Por Ricardo Faria / Guardian Notícias

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: