Ex-assessor de Arruda é preso por tráfico de drogas no Rio

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Policiais da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) prenderam nesta sexta-feira, na Rocinha e no Aeroporto Internacional Tom Jobim, dois homens suspeitos de fazerem parte de uma quadrilha internacional de tráfico de drogas sintéticas, como o ecstasy. Um dos detidos, Diego Correa Domingos, foi assessor do governo do Distrito Federal na gestão de José Roberto Arruda, cassado em 2010. Uma denúncia levou os policiais à casa de Thiago da Silva Leandro, morador da Rocinha, que teria vendido grande quantidade de ecstasy durante o Carnaval. As informações são do jornal O Globo.

Na casa da mãe do jovem, a polícia encontrou um tablete de maconha e R$ 65 mil em dinheiro. Na delegacia, ele confessou que o dinheiro era parte do pagamento pelo carregamento de 25 mil comprimidos de ecstasy que já havia sido distribuído. De acordo com a polícia, a droga veio de Londres para Brasília. De lá, foi levada para o Rio de Janeiro. Segundo Thiago, Diego viria de Brasília para receber cerca de R$ 150 mil pela droga. O ex-funcionário público foi nomeado assistente do governador do DF em novembro de 2009 e, em dezembro, foi promovido ao cargo de assessor. Aos policiais, Diego disse que apenas receberia uma comissão para levar os R$ 150 mil a Brasília.
Terra Notícias.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: