Fakes revelados.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
O Ministério Público do DF está pedindo o indiciamento dos envolvidos no escândalo de fakes, que foi tema do programa CQC exibido pela TV Bandeirantes. O promotor chefe da terceira promotoria criminal do MPDFT, Mauro Faria, pede o indiciamento por formação de quadrilha e crime contra a honra de cinco envolvidos. O ex-secretário de publicidade do GDF, Abimael Nunes encabeça a lista.

Mauro Faria garante que os criminosos terão punição exemplar, o ex-secretário de publicidade Abimael Nunes está sendo apontado como um dos financiadores do esquema sujo de invasão de privacidade.
Plantão forçado
Na quinta feira passada o Ministério Público do DF foi palco de uma extensa reunião entre a GAECO e policiais da DECO. A reunião começou por volta das 14hs e só terminou às 2hs da manhã.
Corre a boca miúda que mais uma grande operação vem por ai. Os figurões da Capital Federal por via das duvidas, já deixaram seus advogados de plantão.

Informou Quidnovi

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: