Gastronomia de Ceilândia se diversificando

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Conhecida como a capital da gastronomia nordestina no Centro-Oeste, Ceilândia nos últimos anos vem se diversificando e recebendo redes de fast food, pizzarias, pamonharias, restaurantes sofisticados, galeterias e churrascarias. A diversidade gastronômica levou uma instituição de ensino particular a oferecer cursos para capacitação de profissionais que atuam no setor. É sabido que Ceilândia até então era fornecedora de mão de obra para o setor de prestação de serviços para outras regiões do Distrito Federal. O investimento em qualificação de mão de obra se tornou uma necessidade premente em função dos eventos da copa de 2014, o que levou a instituição de ensino a montar uma cozinha para que os alunos tenham aulas práticas.
De volta ao que Ceilândia tem de melhor, além do cardápio nordestino variado, o que possibilita visitar o Nordeste sem se descolocar para os Estados daquela região, agora restaurantes da cidade oferecem uma boa traíra sem espinha. Para os amantes da pescaria, é uma oportunidade de degustar um bom peixe sem muito esforço. Cabe registrar que o prato é saboroso, familiar e extremamente adequado para quem gosta de comida leve e com baixo teor calórico.
A traíra é um peixe de água quente, com temperatura acima de 18 graus celsius. Ela habita locais de água parada e com vegetação aquática abundante. Pedaços de madeira, troncos caídos, latas, são um ótimo esconderijo para as traíras. Nos meses frios se enterram no fundo para suportarem a baixa temperatura da água. Historicamente a traíra, por viver em locais com bastante sombra e escuridão dos rios, tem o seu nome “traíra” bastante utilizado como gíria popular no Brasil para identificar o indivíduo traidor, que age nas sombras, sorrateiramente delatando ou prejudicando seus colegas. Ademais, a traíra é talvez o peixe mais encontrado no Brasil, pois basta ter um fio de água para que ela se faça presente.
Para conhecer o que Ceilândia oferece, na sua gastronomia variada, é preciso fazer uma visita à cidade e conhecer a Via Leste (Avenida Espírito Santo) e Ceilândia Centro com seus barzinhos, restaurantes, pizzarias, etc. Uma esticada aos demais setores da cidade também é um boa pedida, pois lá você pode encontrar uma boa galinha caipira, uma boa cachaça artesanal e muitas guloseimas típicas.
http://100porcentoceilandia.blogspot.com/

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: