GDF afirma que vai continuar operação de desocupação em Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


A Seops (Secretaria de Ordem Pública do Distrito Federal) informou que vai dar continuidade a operação de remoção de construções ilegais na chácara 115 do Condomínio Sol Nascente, em Ceilândia, região administrativa do DF. Na manhã desta terça-feira (2), moradores da região bloquearam a rodovia BR-070 

em protesto sobre o boato de que haveria derrubada de casas nesta manhã.  

De acordo com a Seops, o protesto ocorreu devido a entrega de 24 intimações demolitórias emitidas pela Agefis (Agência de Fiscalização) na última quarta-feira (26. Os ocupantes do parcelamento irregular foram intimados a retirar as obras ilegais por conta própria em cinco dias.   
Com o término do prazo, o Comitê de Combate ao Uso Irregular do Solo, coordenado pela Seops e pela Agefis, poderá atuar a qualquer momento. Para assegurar o sigilo de informações, a data não será divulgada.   

A Seops informou ainda que entende e respeita o direito das pessoas se manifestarem, mas afirmou que as operações do comitê no local vão continuar. O principal objetivo é retirar as obras mais recentes, as que estão em área de risco ou aquelas protegidas pela legislação ambiental.  

O trânsito na região ficou congestionado durante o protesto, mas já flui normalmente de acordo com a Polícia Rodoviária Federal.


Informações do R7

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: