GDF divulga nota sobre afastamento de Claudio Monteiro

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O chefe de gabinete da Governadoria, Cláudio Monteiro, pediu ao governador Agnelo Queiroz afastamento do cargo até que reste comprovada sua inocência frente às acusações de que teria ligações com o grupo chefiado pelo senhor Carlos Augusto de Almeida Ramos.


 De imediato, Cláudio Monteiro irá:

a)     Abrir mão dos sigilos bancário, fiscal e telefônico, em petição junto à Procuradoria-Geral da República;

b)     Mover processo penal e cível contra os senhores Cláudio Abreu, ex-diretor regional da Delta Construções, e Idalberto Matias, ex-funcionário da Delta Construções, bem como interpelá-los judicialmente para que confirmem em juízo aquilo que disseram em conversa telefônica gravada pela Polícia Federal;

c)      Requerer à Polícia Federal informações sobre as providências adotadas diante de um suposto crime continuado de corrupção ativa e passiva, conforme se pode deduzir de escutas telefônicas feitas há mais de um ano, e quais ações foram feitas para interrompê-lo ou mesmo para prender os criminosos em flagrante delito.

Reiterando sua absoluta confiança no auxiliar, o governador Agnelo Queiroz concordou com o pedido de afastamento de Cláudio Monteiro com o compromisso de ele reassumir suas funções tão logo comprove sua inocência.

1 Comment

  • Avatar
    erivelton de paranaguá pr , 11 de abril de 2012 @ 04:38

    Esse senhor tá arriscando uma estratégia perigosa; pois se os comparsas do bando resolverem falar a verdade, já era!!!!Delação premiada nesse pilantra.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: