MENSALÃO: Genoíno apela à chantagem emocional e ameaça a justiça.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Ex-presidente do PT, José Genoino, ao se entregar
Ex-presidente do PT, José Genoino, ao se entregar na PF em São Paulo
Condenado a 6 anos e 11 meses de prisão por corrupção, o deputado José Genoino (PT-SP) insiste na versão curiosa de que sua prisão é “política”, produto de uma “farsa” e, neste domingo, por meio de seus advogados, divulgou uma nota apelando à chantagem: diz que “se morrer aqui”, na prisão, seus “algozes” (o Supremo Tribunal Federal, certamente) serão apontados pelo “povo livre” do Brasil.

O advogado de Genoino, Luiz Fernando Pacheco, voltou a informar que  pedirá prisão domiciliar para o cliente, alegando os problemas de saúde. Seus problemas cardíacos são controláveis facilmente com medicação. Em sua nota, o deputado preso por ladroagem afirma: “Estamos presos em regime fechado, sendo que fui condenado ao semiaberto. Isso é uma grande e grave arbitrariedade, mais uma na farsa surreal que é todo esse processo, no qual fui condenado sem qualquer prova, sem um indício sequer”, disse Genoino, segundo seu advogado. “Sou preso político e estou muito doente. Se morrer aqui, o povo livre deste país que ajudamos a construir saberá apontar os meus algozes.”
Informou o Diário do Poder

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: