Gim Argello teve metade da campanha ao Senado custeada pela Andrade Gutierrez

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

De acordo com o Blog CB.Poder, o ex-vice-presidente da CPI da Petrobras, o ex-senador Gim Argello (PTB-DF) recebeu R$ 712.500 em doações de campanha da empreiteira Andrade Gutierrez, uma das principais empresas envolvidas no esquema do Petrolão, investigado pela Operação Lava-Jato.

O valor corresponde a metade de tudo o que o petebista declarou como receita na corrida a novo mandato de senador, em 2014, quando tentou se reeleger.

Gim entrou na Lava-Jato depois que Ricardo Pessoa, dono da UTC, outra empresa enrolada no escândalo, confirmou feito R$ 5 milhões em doações para campanhas no DF em troca de blindagem na CPI. A força-tarefa do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, está de olho em todas as doações das empresas investigadas a políticos. 

CB.Poder

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: