Gratificação do serviço voluntário para policiais e bombeiros militares aumenta 50%.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Valor chega a R$ 300 e poderá ser recebido até cinco vezes no mês para os que cumprirem o serviço
 
 
A gratificação pelos serviços voluntários prestados por policiais e bombeiros militares, às duas corporações, aumentou em 50% – agora passa a ser de R$ 300 – devido ao decreto assinado pelo governador Agnelo Queiroz e publicado hoje (26) no Diário Oficial do DF.
 
“Esse reajuste é uma forma de valorizar ainda mais a nossa polícia, que vem trabalhando com afinco na defesa da nossa democracia. O aumento no número de trabalhos voluntários também permite ao comando escalar mais homens nas ruas, o que melhora a segurança pública”, afirmou o governador.
 
Os PMs e bombeiros militares tem uma jornada de trabalho de 24h, para descansarem 72h – o serviço voluntário é realizado por eles dentro desse período, e durante as 8 horas que trabalharão para a corporação, terão a oportunidade de ganhar o benefício até cinco vezes no mês.
 
“O objetivo é estimula-los a trabalhar essas horas de folga dentro das corporações, evitando que exerçam os serviços fora da atividade militar”, destacou o chefe da Casa Militar, tenente-coronel Rogério Leão.
 
No mês, os policiais e bombeiros poderão conseguir cerca de R$ 1,5 mil, mas quem define a quantidade de vezes que cada um trabalhará ao longo desse período é a própria corporação, com limite de 30 mil cotas mensais para a PM e 10 mil ao Corpo de Bombeiros.
 
Caso a cota inteira seja usada nos próximos seis meses deste ano, um total de R$ 24 milhões será desembolsado: “Isso é um investimento em segurança pública”, ressaltou Agnelo Queiroz.
 
A previsão para o próximo ano, se a cota inteira for novamente usada pelas corporações, é de chegar até R$ 48 milhões.
 
 

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: