Inscrições abertas para seleção de agentes comunitário em Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
ajus
Estão abertas, até o dia 15 de julho, as inscrições para o processo seletivo de Agentes Comunitários de Justiça e Cidadania, do Programa Justiça Comunitária do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios, em Ceilândia.
São oferecidas 53 vagas para Agentes Comunitários, que receberão formação em Justiça Comunitária por um período de três anos. A formação é majoritariamente prática. Os Agentes Comunitários irão atuar na comunidade em que estão inseridos, exercendo as atividades do Programa: educação para os direitos, mediação comunitária e animação de redes sociais.

Para atuar como Agente Comunitário é necessário ter no mínimo 18 anos; morar na cidade de Ceilândia; ter cursado o Ensino Fundamental. Por ser um trabalho voluntário, não há vínculo empregatício ou funcional e nem quaisquer obrigações de natureza previdenciária ou afins, conforme o art. 1º, da Lei nº 9.608/98.
As inscrições poderão ser feitas de segunda a sexta-feira, no Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania do programa Justiça Comunitária, localizado no Fórum de Ceilândia, sala 201, no horário das 13 às 18 horas, ou pelo site do TJDFT.
Um agente comunitário de justiça e cidadania tem papel relevante para a solução dos conflitos e dos problemas de sua comunidade. Por ser um membro da própria comunidade, o agente é facilmente reconhecido pelos cidadãos que precisam fazer valer algum direito ou queiram simplesmente resolver uma situação de conflito. Por ter sido treinado em educação para os direitos, o agente tem condições de traduzir as leis para uma linguagem mais simples e corriqueira.
O treinamento em mediação permite ao agente ajudar os participantes de um conflito a construirem uma solução justa e satisfatória para todos, por meio do diálogo, sem julgamento ou aconselhamento. As próprias pessoas envolvidas chegam a um consenso sobre a melhor forma de resolver a situação, o que gera maior satisfação e permite que os laços de afinidades possam ser refeitos.
Outra atividade do agente comunitário é estimular a organização dos integrantes de sua comunidade para encontrar solução para os problemas que digam respeito a toda a coletividade, a partir do encaminhamento da questão para as redes sociais que estão disponíveis para atuar em cada caso.
Maiores informações pelos telefones: 3103-9398 e 3103-9319
Informações Blog do Ataíde

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: