Jurados de morte em Ceilândia, parentes de vítimas se trancam em casa, com medo do suposto assassino de 19 anos

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Jovem é suspeito de três assassinatos no DFReprodução / TV Record Brasília
Familiares de dois irmãos assassinadas estão com medo de sair de casa, pois teriam sido jurados de morte pelo jovem de 19 anos, que é suspeito de ter cometido os homicídios.  
O suposto assassino é considerado perigoso pela polícia, pois já teria matado três pessoas.  
O homicídio do primeiro irmão foi em 2011, o segundo ocorreu na QNO 5 de Ceilândia, região administrativa do DF. Ele teria matado com quinze tiros o jovem Marcos Cantarello. O jovem teria usado uma pistola  calibre 40, arma de uso exclusivo da polícia.  

O primeiro homicídio de que o jovem é suspeito ocorreu quando ele ainda era menor de idade. Ele teria matado por acerto de contas.  
Atualmente, o adolescente está solto. A polícia pediu a prisão preventiva, mas o juiz considerou que o crime de roubo não era matéria urgente e não deferiu o pedido. 
Informações do R7

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: