Justiça Comunitária participará da Caravana da Juventude Negra em Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Em reunião realizada nesta quarta, dia 25 de agosto, a Secretaria de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (Semidh), por meio de sua Secretaria Adjunta de Políticas para a Igualdade Racial (SIR), e representantes do Programa Justiça Comunitária (PJC) – iniciativa de ação comunitária do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) – definiram a realização de atividade conjunta na Caravana da Juventude Negra, em Ceilândia, entre 07/9 e 12/9.

No dia 12, os agentes comunitários do PJC levarão para o palco da Caravana um esquete teatral já experimentado nos Bonezaços, manifestações realizadas em janeiro, março e junho para combater a visão social depreciativa acerca dos jovens da periferia, majoritariamente negros, reprimidos por usarem bonés como símbolo de origem, identificação e orgulho.
A supervisora do PJC Gisele Ramos e a também integrante da equipe Janine Oliveira estiveram na Semidh para articular uma atividade comum. “A parceria pode começar na própria divulgação”, disse Gisele.
Segundo elas, os contatos e a inserção dos agentes comunitários do PJC na rede local de movimentos sociais ajudarão a divulgar a Caravana, que ficará em Ceilândia entre 07/9 e 12/09, após passar pelo Itapoã, entre 31/8 e 05/9.
Em amadurecimento – Gisele e Janine expuseram as linhas da atuação do PJC, voltada para a educação para os direitos, o exercício da mediação comunitária e a animação de redes sociais. Conhecedora do projeto desde o início, a secretária adjunta Vera Lúcia Santana Araújo acompanhou a visita da juíza Gláucia Foley, coordenadora do PJC, para conhecer a Caravana, dia 14/8, no Varjão.
De acordo com a secretária-adjunta Vera Araújo, a perspectiva de trabalho mais a longo prazo, com ajuste e aprofundamento conceitual para articular a expertise do Programa Justiça Comunitária em mediação e a temática do combate ao racismo, inerente ao trabalho da Semidh/SIR, ainda amadurece.
A Praça da Bíblia, lugar em escolhido para a Caravana em Ceilândia, situa-se num ponto estratégico, próximo ao Sol Nascente, destacou o coordenador de Políticas da Igualdade Racial da Semidh, Victor Nunes. Ele compareceu à reunião juntamente com o gerente de comunidades tradicionais, Murilo Mangabeira, que tem acompanhado o deslocamento da Caravana.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: