Maior São João do Cerrado em Ceilândia é destaque do Jornal da Paraíba deste domingo (01).

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Não é novidade para ninguém que as diversas festas juninas realizadas no Nordeste encantam turistas de diferentes partes do mundo, que durante o mês de junho fazem questão de participar dos “arraiais” promovidos em várias cidades da região. O que talvez muita gente não saiba é que a festa em homenagem a um dos santos mais queridos pelos nordestinos também está se popularizando e reunindo uma multidão de forrozeiros na região Centro-Oeste do país, mais especificamente em Ceilândia, cidade-satélite de Brasília, onde há oito anos é realizado “O Maior São João do Cerrado”.

O evento, que segundo os organizadores é o maior São João fora de época do país, será realizado entre os dias 6 e 10 de agosto, em um cenário bastante familiar para os amantes da cultura nordestina. Logo na entrada do festival os visitantes se deparam com a “Vila Borborema”, espaço que homenageia e reproduz a Vila Nova da Rainha, primeira rua da cidade de Campina Grande, que todos os anos também tem lugar de destaque na cidade cenográfica d’O Maior São João do Mundo.

Conforme ressalta a organização da festa junina, “quem passa pela réplica da vila paraibana se depara com um coreto, onde os visitantes são recebidos com música e alegria típicas da cultura popular”. Além da Paraíba, o espaço com mais de 60 mil metros quadrados também homenageia a cultura de outros Estados, já que em todos os ambientes do “Forrobódromo” é possível ver elementos que fazem alusão às antigas tradições nordestinas, como o fogão a lenha, bandeirolas, móveis antigos e comidas típicas, referências que encantam os turistas e conquistam o coração dos saudosos nordestinos que moram na região e aproveitam a festa para matar a saudade de sua terra.

Ainda dentro da proposta de reproduzir as tradições juninas do povo nordestino, todos os anos a festa homenageia um artista da região. Para a edição de 2014 foi escolhido o cordelista e xilogravurista pernambucano José Francisco Borges, mais conhecido como “J. Borges”.
De acordo com a idealizadora da festa, Edilane Oliveira, a organização espera este ano um público estimado em 150 mil pessoas por noite. “Também temos uma estimativa para este ano de recebermos 25 mil turistas”, acrescentou. Para animar todo esse público, grande parte composta por nordestinos, se apresentarão no São João do Cerrado a cantora Elba Ramalho, madrinha da festa, as bandas Magníficos, Monobloco e Garota Safada, além dos cantores Alceu Valença e Michel Teló.

Na opinião dos visitantes mais avalizados para falar sobre o evento, os turistas nordestinos, a impressão deixada pelo São João do Cerrado não poderia ser melhor. É o que afirma o auditor fiscal de Campina Grande, Antônio Pereira, que no ano passado foi conhecer a festa de perto. “Fiquei impressionado com quase tudo que vi e ouvi. O palco me pareceu grande e bonito, mas o importante é o povo reunido, a nordestinidade”, relatou.

Jornal da Paraíba.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: