Manchando o currículo.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O presidente do Fórum Nacional de Secretários de Cultura e secretário de Cultura do Distrito Federal, Hamilton Pereira da Silva, carrega um dos mais brilhantes currículos da história do PT. Poeta premiado, com o pseudônimo de Pedro Tierra, assinou com Dom Pedro Casaldáliga e Milton Nascimento, o clássico Missa dos Quilombos, entre outros trabalhos premiados e publicados em vários idiomas.

Depois de compor a primeira diretoria da Fundação Perseu Abramo e ocupar a presidência da instituição por três gestões, e já ter sido secretário de Cultura no governo de Cristovam Buarque, Hamilton Pereira parece que desta vez se enrola a cada dia.

Esta semana, fechou a contratação de artistas por mais 30 dias para qualquer evento no DF. Sua secretaria está mergulhada em denúncias e escândalos de corrupção envolvendo o desvio de milhões dos cofres públicos nos últimos três anos. O Governo Agnelo Queiroz destaca-se como campeão das contratações sem licitação por conta da inexigibilidade. E o prato preferido são os eventos e shows onde não existem similares. 
Manchando o currículo II

O secretário anda tão atarefado com os problemas do DF que não tem cumprido a agenda como presidente do Fórum. Já está sendo chamado pelos seus pares de “fantasminha”. Se, por um lado, no Fórum, Hamilton tem quem o substitua, no DF fica difícil, pois em sua linha sucessória na Secretaria todos estão sob a mira do Ministério Público.
Por Mino Pedrosa

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: