Meninas de até nove anos eram aliciadas a manter relações com três garotos em Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Meninas confessaram que praticavam sexo sem preservativosReprodução TV Record
A polícia apreendeu nesta quinta-feira (1º/8) três adolescentes acusados de convencer garotas a praticarem sexo com eles dentro de uma casa no Setor O, em Ceilândia, região administrativa do DF. As vítimas tinham entre nove e 14 anos de idade. Os adolescentes prometiam até casamento para convencer as meninas.  
A denúncia foi feita pelos pais das adolescentes. Revoltado, um pai contou que as duas filhas frequentavam a casa dos menores.

Uma delas, inclusive, matava aula há um mês para ir ao local. Ele só descobriu após ser chamado na escola da menina.  

Um outro pai já havia registrado três ocorrências após saber o que a filha fazia na casa dos garotos. Há dois meses ele descobriu que a filha de 12 anos frequentava a casa e que inclusive já havia mantido relação sexual com um dos jovens.  
Um terceiro pai descobriu recentemente o envolvimento da filha de 11 anos com um dos adolescentes. E foi ele quem procurou a polícia para denunciar o caso. Ele investigou o Facebook da filha e achou um recado do adolescente prometendo casamento. Na delegacia, as adolescentes prestaram depoimento e confirmaram o envolvimento com os adolescentes.   
Uma delas disse que manteve pelo menos cinco relações sexuais com um dos garotos. Muitas vezes sem preservativo. Com medo, a menina disse estar chatiada com o adolescente porque sabe que ele não quer nada com ela.
Informações R7

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: