Nascido e criado em Ceilândia, Max Maciel é destaque no “Gente de Brasília”

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


Ele fala com sorriso na voz, tem gestos largos, olhar atento e não está no mundo à toa. Max Maciel é um desses filhos que tanto orgulham Brasília, o pedagogo, empreendedor e militante social, é especialista pela UnB em estudos de Raça e Gênero e realiza um trabalho que vai além da “caridade”, termo geralmente utilizado para nominar ações sociais.


Nascido e criado em Ceilândia, a maior região administrativa de Brasília, ele explica de onde surgiu a vontade de mudar a realidade em que sua juventude estava inserida. “A gente entrou nessa batalha por que não concordávamos com o que diziam sobre a periferia. Estávamos condicionados a ser a força braçal. Hoje temos oportunidade de vivenciar outras experiências”, declara.

Responsável pela Rede Urbana de Ações Socioculturais (RUAS), Max desenvolve projetos para promoção do empoderamento da juventude e da descentralização dos acessos aos serviços públicos, além de integrar grupos de debate sobre cultura, mobilidade, esporte e lazer.



“Realizamos projetos como o Jovem de Expressão que oferta cursos para adolescentes e jovens de Ceilândia. Nesse espaço oferecemos assessoria para quem deseja empreender, as oficinas de dança, grafite, formação para produtores de eventos, audiovisual, roadies e por aí vai… Desses cursos surgem projetos como TV de Expressão e o Elemento em Movimento, festival onde reunimos atores culturais, e que é produzido pelos próprios oficineiros”, ressalta.
E como diz aquele rap “o bonde não para!”, e Max também não! Com tantas atividades, ele ainda tem tempo para sua família, “minha companheira de vida e sonhos, minha filha Clara e minha enteada me dão a força que preciso para seguir nessa jornada para construir uma Brasília mais justa e igualitária para todos e todas”.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: