PHS se articula mirando eleições 2014

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O Partido Humanista da Solidariedade ganhou nesta terça-feira (15/05) dois grandes reforços no Distrito Federal, Oswaldo Morais, diretor-geral do Procon-DF, e Carlos Nogueira, administrador Regional do Guará. Recém-desligados do PPS, eles assinaram a ficha de filiação ao PHS em cerimônia realizada na sede do Instituto de Pesquisas Humanistas e Solidaristas (IPHS).

O presidente Distrital e Nacional do PHS, Paulo Roberto Matos, deu as boas vindas aos novos filiados e lembrou que o partido deve ser um “pedaço de chão mais limpo possível para o exercício da política no País”. Paulo Roberto destacou a importância da chegada dos novos parceiros, especialmente rumo às eleições de 2014 e pediu que tragam mais gente com ideais cristãos para trabalhar com o PHS.
Em relação aos novos filiados, Paulo Roberto afirmou que vê com  otimismo muito grande em relação ao futuro do PHS. “O partido está formando grande musculatura para as eleições de 2014. Batemos na trave nas três últimas eleições (2002, 2006 e 2010), quando ajudamos o PPS a eleger dois distritais. Está chegando a nossa vez de eleger um parlamentar da própria legenda. Se Deus quiser, vamos atingir esse objetivo em 2014.”
Ao se apresentar ao partido Carlos Nogueira afirmou que o partido tem inspiração cristã e que o País tem uma maioria de cristãos. Ele destacou a importância de se unir aos projetos do PHS, ao lado de Oswaldo Morais: “Viemos para somar. Não com o intuito de realizar projetos pessoais. Viemos trazer nossa contribuição e nossa experiência para um time vencedor. Vamos, com o  PHS, fazer a diferença, especialmente na área social, a fim de atender os mais carentes ”.
Carlos Nogueira falou da importância do PHS: “É um partido extremamente democrático, que dá oportunidade para as pessoas se expressarem, manifestarem suas opiniões. Vamos dar nossa contribuição para o bem do partido e da sociedade, especialmente”.  Sobre seu trabalho como administrador Regional do Guará, afirmou que manteve a decisão de se manter no governo Agnelo, que ajudou a eleger e quer continuar a executar os projetos de interesse da comunidade, como o Administração e Ação (que envolve a reestruturação das 50 praças da cidade, a fim de manter seu aspecto interiorano e de valorização dos integrantes da terceira idade, que são 17,6% da população local, de 150 mil habitantes) , a Horta Comunitária e as Namoradeiras, além dos locais de caminhada em áreas antes abandonadas, que contribuíram para reduzir a criminalidade, e dos Pontos de Encontro Comunitários (PEC).
Oswaldo Morais declarou que a área política é relativamente nova para ele. Está no Procon há 14 anos graças ao seu conhecimento técnico e à credibilidade do seu trabalho junto à sociedade. Acrescentou que seu trabalho conta com o apoio irrestrito do secretário Alírio Neto e do governador Agnelo Queiroz. Quanto ao PHS, disse: “Venho para trabalhar, somar, fortalecer parcerias. Podem contar comigo em tudo”.
Como diretor-geral do Procon, Oswaldo ressaltou os projetos de modernização do órgão, que são importantes para a sociedade e que serão mantidos com sua permanência no cargo. Ele citou, por exemplo,  o Procon Digital e a Escola do Consumidor, que passou a integrar a estrutura do órgão na gestão do secretário Alírio e do governador Agnelo, que também aprovaram a realização de concurso público para 200 servidores  que vão garantir o trabalho do órgão com qualificação e a qualidade de sempre.  


Site PHS

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: