PMDF é primeira força policial do Brasil a ter faculdade credenciada pelo MEC

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Entidade oferece graduação e especialização para militares ampliarem conhecimentos e aumentarem a qualidade no desempenho das atividades

kkkkkkkkkkkkkkkk
A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) tornou-se, este mês, a primeira força policial do país a ter uma instituição de ensino superior credenciada pelo Ministério da Educação (MEC) – o Instituto Superior de Ciências Policiais (ICSP), que oferta graduação e especialização. 

“A criação do instituto visa o aprimoramento acadêmico dos nossos policias, o que vai prepará-los melhor para desempenharem suas tarefas”, destacou hoje o comandante-geral da corporação, coronel Jooziel de Melo Freire. 
O ISCP – credenciado no último dia 9 de agosto – oferece formação de bacharelado em ciências policiais, além de pós-graduações em docência do ensino superior e direito penal e processual penal militar. (Confira a lista completa abaixo) 
Segundo o comandante, a ideia é que o Instituto também inicie, em 2014, um trabalho de pesquisa científica para aplicação mais eficaz dos recursos da PMDF e do efetivo, o que elevará a qualidade dos resultados da atuação do contingente. 
Os estudos abordarão temas como efetividade de equipamentos não letais e legislação que envolve o policial militar durante o desenvolvimento de suas funções. 
“Nós também queremos que o espaço seja aberto à comunidade, com acesso aos cursos oferecidos pelo instituto”, destacou Freire. 
RECONHECIMENTO – Segundo o coordenador acadêmico do ISPC, o tenente-coronel Marcos Antônio Nunes, o local passou por um rigoroso processo de avaliação do MEC, que durou aproximadamente dois anos e meio. 
Neste processo, profissionais acompanharam a evolução da instituição e dos alunos, desde a infraestrutura até os processos pedagógicos. 
“Na academia de polícia, convivem lado a lado a autoridade e o saber. A Polícia Militar do DF é inteligente, uma referência nacional”, observou o professor do departamento de Ciências Jurídicas da Universidade Federal de Rondônia que participou da avaliação, Vinício Carrilho. 
O docente enalteceu, em sua análise, itens considerados surpreendentes. Entre eles, soldados com especializações, incluindo mestrado em filosofia. 
A faculdade foi considerada também instituição policial com nota máxima, em junho, pelo Conselho Nacional de Educação (CNE). 
“Nós já recebemos propostas de convênio e intercâmbio de várias entidades educacionais nacionais e internacionais e de órgãos públicos brasileiros”, informou o tenente-coronel Marcos Antônio Nunes. 
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) selecionou seis professores que integram o corpo docente do ISCP, entre eles, quatro militares e dois civis, para realizarem o Curso de Avaliadores de Instituições de Ensino Superior. 
Os professores foram capacitados pela Diretoria de Avaliação da Educação Superior do Inep para fazer parte do Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Basis). 
Com isso, eles estão aptos a avaliar instituições de ensino superior na área de segurança pública, inclusive em outros estados. 
“Há um constante crescimento na oferta de cursos voltados para as ciências policiais. O ISCP foi reconhecido recentemente e ficamos felizes por já termos representantes da nossa instituição na avaliação da educação superior brasileira”, explicou o tenente-coronel Nunes. 
Cursos – O ISPC oferece bacharelado em ciências policiais e pós-graduações em docência do ensino superior; direito penal e processual penal militar; gestão estratégica em segurança pública e especialização em ciências policiais. 
A previsão é de que, até 2014, o instituto dê início ao curso de tecnólogo em segurança pública.
 Da Redação, com informações da PMDF 

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: