Polícia faz operação para investigar facções criminosas em Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Polícia Civil do Distrito Federal cumpre desde o início da manhã desta sexta-feira (3) 32 mandados de busca e apreensão e três de prisão em Ceilândia. A operação é contra envolvidos em tráfico de drogas, assaltos, assassinatos e sequestros-relâmpagos.

O delegado-chefe da 24ª Delegacia de Polícia, Marcelo Portela, explicou que a ação é para investigar duas facções criminosas que atuam principalmente na QNO, no Setor O. “Há anos esses grupos cultivam uma rixa histórica em Ceilândia, que já culminou em uma série de assassinatos. Ambos os grupos também são suspeitos de praticarem diversos crimes em todo o Distrito Federal, como assaltos, homicídios e sequestros-relâmpagos”, disse.
Portela informou que as duas facções disputavam pontos de tráfico de drogas na cidade. “A população estavam sempre em risco quando começavam as trocas de tiro entre eles, muitas delas ocorriam em plena luz do dia.”
O delegado informou que a polícia já trabalhava a cerca de um ano na investigação. “Estamos acompanhando de perto a ação destes bandidos, que passaram provocar uma guerra entre gangues na região, muitas vezes forçando moradores honestos a esconderem armas e drogas em suas casas sob ameaça de morte”, falou.


No total, 150 policiais participam da operação, que deve durar todo o dia, segundo o delegado Portela.

Informações do G1

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: