Polícia: Investigação policial indica envolvimento de ex-secretário de transporte do DF em esquema de cobrança ilegal.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
A Polícia Civil continua investigando o suposto esquema de cobrança de propina na Secretaria de Transportes do Distrito Federal, entre os anos de 2008 e 2009, e que teria movimentado cerca de R$ 800 mil. Após o cumprimento de 16 mandados de busca e apreensão, cinco prisões e vários depoimentos de pessoas envolvidas, as apurações conduzidas pela Divisão Especial de Repressão aos Crimes contra a Administração Pública (Decap) pode complicar a vida do ex-secretário de Transporte Alberto Fraga (DEM).

Interceptações telefônicas feitas com autorização da Justiça em que ex-integrantes da cúpula da pasta – investigados por participação no esquema junto com integrantes de cooperativas – registraram conversas que levantam suspeitas sobre a participação de Fraga no esquema fraudulento, desmantelado pela Operação Regin, em 7 de outubro último.

De acordo com uma fonte policial ouvida pela reportagem do Jornal de Brasília, as investigações não só esbarram em Fraga, mas devem acertá-lo em cheio. “O trabalho está em andamento. Muitas provas apreendidas durante a operação ainda estão em fase de análise. Mas algumas já direcionam para o ex-secretário. Alguns depoimentos colhidos também apontam para uma suposta participação dele”, afirma o investigador.

Do jornal de Brasília.

Deixe uma resposta

Posts Relacionados

%d blogueiros gostam disto: