Polícia prende em Ceilândia quadrilha que praticava fraudes no Nota Legal

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC) desencadeou hoje a operação Crediti Illegali para apurar fraudes no programa Nota Legal. Duas pessoas foram presas em cumprimento a mandados de prisão temporária.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A ação policial aconteceu em Ceilândia e contou com o apoio de policiais da Coordenação de Combate à Corrupção, ao Crime Organizado, aos Crimes Contra a Administração Pública e aos Crimes Contra a Ordem Tributária.
Segundo a delegacia, um dos envolvidos tentou realizar a destruição de provas jogando um notebook dentro de um tanque cheio de água suja no momento da chegada dos policiais na sua residência.
Além desse notebook foram apreendidos cinco celulares, quatro computadores de mesa, outro notebook, diversos equipamentos de armazenamento de mídia como pen drives, dvds e cds, durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão.
De acordo com o apurado, a associação criminosa acessava as contas de usuários cadastrados no Programa Nota Legal e utilizava os créditos das vítimas para pagar boletos de IPVA e IPTU de terceiros. A investigação teve início em janeiro deste ano. (Informações e imagem PCDF)

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: