Presidente da Comissão de Cultura do DF vai à Justiça para impedir transferência do Museu da República para União

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A presidente da Comissão de Cultura da Câmara Legislativa do DF, Liliane Roriz (PSD), ingressará com um pedido na justiça nesta quarta-feira para impedir que o governo do Distrito Federal transfira a responsabilidade do Museu da República para o Ministério da Cultura. A assinatura da transferência da gestão foi anunciada pelo governador Agnelo Queiroz (PT) e está marcada para às 11h desta quarta-feira (21), no gabinete da ministra Marta Suplicy (PT). 

“Caso o governador não saiba, este museu foi construído com 100% dos recursos oriundos do Distrito Federal e agora o ele [Agnelo] quer simplesmente entregá-lo para a União, sem nem ouvir a população que pagou pelo monumento?”, questionou a parlamentar. A distrital afirma que possui apoio de vários artistas da cidade, que enxergam na medida o distanciamento de mais um espaço cultural do DF da arte local. 


Segundo Liliane Roriz, antes mesmo de o Museu da República ser transferido, a ministra da Cultura, Marta Suplicy (PT), já havia se comprometido com exposições internacionais para serem abrigadas no monumento durante a realização da Copa do Mundo do ano que vem. “É um verdadeiro absurdo que uma ministra que deveria trabalhar para incentivar a nossa cultura queira valorizar exposições internacionais, sendo que temos grandes e valiosos nomes no nosso país e no DF”, reclamou a parlamentar.

Ascom da Deputada Lilliane Roriz

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: