Projeto de ampliação do Centro Cultural de Ceilândia está quase finalizado

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


Na manhã desta quinta-feira
(19), o projeto para a conclusão da obra do Centro Cultural e Desportivo de
Ceilândia deu mais um importante passo. Em reunião, o diretor de edificações da
Novacap, Márcio Costa, apresentou para o deputado distrital Chico Vigilante e
para as lideranças culturais da cidade parte do projeto que viabilizará a
construção do bloco C do Centro Cultural.
Chico Vigilante solicitou a
reunião para dar mais agilidade e transparência ao processo de conclusão do
espaço, que é uma velha demanda da comunidade. O deputado já destinou emendas
na ordem de R$ 2 milhões para construir o novo bloco. “Os artistas e a
população de Ceilândia aguardam este centro cultural há mais de 30 anos. Não
medirei esforços para que essa obra seja iniciada e concluída o quanto antes”,
lembrou o parlamentar.
O desenho está em fase final
de elaboração. De acordo com o cronograma da Novacap, na próxima semana, o
projeto final será apresentado as lideranças culturais e aos técnicos da
Secretaria de Cultura, para que sejam feitas as sugestões e adequações
técnicas. Apenas a partir deste fomento, o órgão executor poderá fazer
licitação para dar início às obras.
O diretor de edificações
explicou que o principal problema enfrentado pela Novacap está relacionado à
legalização da área onde será construído o cineteatro, pois a posse do terreno
ainda está definida. Com isso, o projeto original, que foi elaborado há mais de
30 anos, será modificado para se adequar ao terreno. O bloco D não será
construído porque parte da área foi ocupada pelo estacionamento do Metrô.
“Neste momento, precisamos
trabalhar a questão da aprovação e da legalização do espaço. Um outro passo
importante é ajustar a questão do projeto de construção do cineteatro à
necessidade dos artistas, depois iremos resolver a questão da acessibilidade
dos blocos que já estão concluídos”, explicou o Márcio. Segundo ele, os dois
blocos que foram entregues estão muito antigos, com isso, precisa passar por
reforma e fazer acessibilidade.
Os representantes do Movimento
Retomada, que cobra a conclusão do Centro Cultural, elogiaram o andamento da
reunião e o avanço do projeto na Novacap.
“Saio da reunião com as
esperanças renovadas. Conversar com os técnicos responsáveis pelo projeto e ver
a planta do cineteatro acho que foi bastante satisfatório”, disse a professora
Lidi Leão.  “Agora, podemos falar para a comunidade que teremos o nosso
cineteatro. Um legado que ficará para as próximas gerações”, finalizou Lidi.
A reunião também  contou
com a participação dos arquitetos responsáveis pelo projeto na Novacap, Hanna
Reitsch e Leonardo Bianchetti, e uma representante da Secretaria de Cultura.


Reivindicação antiga
Desejo antigo da comunidade, o
Centro Cultural e Desportivo de Ceilândia seria o principal meio de inclusão da
maior cidade do DF no mapa cultural brasiliense e contaria com biblioteca,
pavilhão de cursos, arquivo de memória, ginásio de esportes, praças,
cineteatro, restaurante e teatro de arena.
No entanto, mesmo tendo sido
projetado há mais de 30 anos, a obra ainda não foi concluída, foi entregue
menos da metade do estabelecido. Somente a Biblioteca e o Pavilhão de Cursos
foram entregues e os teatros nunca saíram do papel.
Atualmente, os prédios abrigam
a Biblioteca Pública de Ceilândia ‘Carlos Drummond de Andrade’; a Divisão
Regional de Cultura; a Divisão Regional de Desporto, Lazer e Turismo; a
Brinquedoteca e o Conselho Tutelar de Ceilândia.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: