Qual a verdade sobre os salários dos PMS?

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A discussão sobre a operação-tartaruga da Polícia Militar não para, até porque a falta de policiamento é cobrada e sentida pela população. E os PMs ocupam espaço onde podem, com argumentações que não são contestadas pelo governo do DF e pelo governador Agnelo Queiroz, as quais acabam sendo aceitas como verdade.

Wanderson Carvalho, por exemplo, me enviou mensagem detalhada na qual afirma que o salário inicial da Segurança Pública no DF seria o seguinte: PM e BM – R$ 4.200,00; policial civil, R$ 8.000,00; e agente do Detran, R$ 12.000,00.
Já negociei durante muitos anos questões salariais no GDF e sei que as informações são sempre relativas. É preciso transparência e contestação, e às vezes há manipulação nos dados. Mas como o GDF parece não ouvir o barulho das tropas, fica a informação de Wanderson como uma versão contundente daqueles que confessam estar em operação-tartaruga.
Ele diz que, em relação aos três estados federados que recebem maiores salários que o DF, não há de se falar em contestatação, pois é um fato. Afirma ainda que PMs e bombeiros estão há nove anos sem aumento salarial, recebendo os menores salários da Secretaria de Segurança Pública do DF.
“Você sabia que um segurança do Metrô-DF recebe mais que um PM ou BM? Não desmerecendo tal profissional, será que sua atividade no metrô é mais complexa e perigosa do que a desempenhada por PMs e BMs? A quem interessa uma polícia desmotivada, mal paga? Sim, mal paga. Basta tão somente observar o custo de vida de Brasília”, comenta Wanderson.
E assim, persiste a crise na Polícia Militar do DF, que em algum momento terá de ser enfrentada pelo Governo do DF, pois não dá para prescindir de força tão ampla numa cidade onde a violência preocupa.
Por Renato Riella

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: