Risco de despejo de produtores rurais de Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Por Eduardo Brito/ JBr  -Produtores rurais que residem no Distrito Federal antes mesmo da inauguração da capital correm o risco de perder suas propriedades. Na maioria imigrantes japoneses e seus descendentes, ocupam espaço que, compreendido entre Samambaia, Ceilândia e Taguatinga, constitui Área de Relevante Interesse Ecológico.
Em tese, isso não impede as atividades agrícolas e de turismo ecológico. Só que o Instituto Brasília Ambiental (Ibram) alega que a área é de proteção permanente, o que impede qualquer atividade agrícola, e faz restrições a um pesque-pague que funciona por lá. O distrital Joe Valle marcou para este sábado reunião que tentará organizar a defesa dos agricultores. 

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: