Segurança com respeito, Vigilantes do Parque da Cidade receberão orientação sobre como abordar homossexuais.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


Segurança com respeito
Foto: Elza Fiúza / ABr

Vigilantes do Parque da Cidade receberão orientação sobre como
abordar homossexuais de forma adequada. A palestra faz parte da luta
contra o preconceito no espaço

 

Natalia Emerich_Brasília 247 – Alternativa de esporte e lazer, o
Parque da Cidade também se transformou em um dos pontos de encontro da
comunidade homossexual. Por isso, o espaço ganhará reforço contra o
preconceito. Amanhã (14), às 19 horas, os 60 vigias que fazem a
segurança do local participarão da Oficina de Capacitação em Direitos
Humanos, parte do projeto Parque sem Homofobia.
A oficina é resultado de parceria entre a Administração de Brasília, o
Parque da Cidade e a Elos, organização não governamental (ONG) voltada
para os direitos de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e travestis –
o público LGBT. Os palestrantes da ONG darão orientações sobre como
agir ao abordar homossexuais. O administrador do parque, Paulo Dibuá,
acredita que a palestra deixará os vigilantes mais bem informados e
preparados. “Os homoafetivos são parte significativa dos nossos
frequentadores, devem ser tratados adequadamente e com respeito”,
afirma.
O presidente da ONG Elos, Evaldo Amorim, explica que é necessário
conscientizar trabalhadores de espaços públicos. “Os profissionais devem
ser orientados de que a população LGBT também faz parte da sociedade”,
diz. Ele conta que ainda é comum o uso de termos inapropriados e a
agressão na hora da abordagem. “A gente percebe, muitas vezes, a forma
grosseira e pejorativa no trato”, critica.
De acordo com Amorim, espaços específicos, como o Parque da Cidade,
acabam virando refúgio para quem convive com o preconceito diário, até
mesmo dentro de casa. “São lugares onde nos sentimos confortáveis para
interagir, nos divertir e até mesmo namorar”, desabafa.
Pré-Parada
A palestra faz parte de um projeto maior contra o preconceito, o
Parque sem Homofobia. O local, um dos espaços mais democráticos de
Brasília, também será palco para eventos de esporte, música e lazer
LGBT.
Entre as ações está a prévia da Parada Gay, marcada para domingo
(18), no Eixão. A Pré-Parada será na noite de sábado (17), no Bar
Barulho (Estacionamento 11), a partir das 22 horas. Além da música e da
diversão, uma tenda será montada para orientar e dar dicas de saúde aos
presentes. A programação completa está no site da ONG Elos.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: