Setores preparam contra-ataque para tentar barrar a iniciativa que destina 10% de todo o orçamento para mídias alternativas.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Proposta de Emenda à Lei Orgânica nº 51/2013, de autoria da deputada Luzia de Paula (PEN) (foto), que destina 10% de todo o orçamento para publicidade do Executivo e do Legislativo distrital exclusivamente para as mídias alternativas ou comunitárias, promete gerar polêmica nas próximas semanas. Apesar de muito elogiada pelos distritais durante a reunião da Comissão de Constituição e Justiça, na terça-feira (14), alguns setores preparam contra-ataque para tentar barrar a iniciativa ainda na CLDF. A chama mídia alternativa inclui blogs e páginas na internet independentes de veículos de comunicação, que atualmente pouco recebem publicidades governamentais.
Por Tiago Monteiro Tavares/ Ons e Offs

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: