Sisutec abre inscrições com número de vagas 20% maior

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) ofertará 289.341 vagas no segundo semestre deste ano. O número aumentou 20% em relação à mesma edição do ano passado, quando foram oferecidas 239.790 mil vagas. As inscrições poderão ser feitas entre os dias 21 e 25 de julho, na página do Sisutec.

O processo de seleção faz parte do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), e as vagas, gratuitas, são de Ensino Técnico. Para concorrer, o candidato precisa ter concluído o Ensino Médio e feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2013, sem ter zerado a redação. Segundo o ministro da Educação, Henrique Paim, a intenção é formar mão de obra qualificada para atuar em diversos segmentos de mercado.
_ O país necessita não só da formação de profissionais do Ensino Superior, mas também do nível técnico, que é tão importante quanto o superior em várias áreas do país _ disse.
As áreas com maior oferta são ambiente e saúde, com 32,17% das vagas. Em seguida, comunicação (17,06%) e gestão e negócios (14,10% e controle e processos industriais (11,67%). Os cursos que têm maior número de vagas são de técnico em logística (40.712), técnico em segurança do trabalho (29.397) e técnico em enfermagem (25.557).
Pelas regras do Sisutec, 85% das vagas são destinadas a candidatos que cursaram o Ensino Médio na rede pública ou na rede privada com bolsas integrais. Nas instituições federais, será seguida a Lei de Cotas (Lei 12.711/2012), pela qual 50% das vagas destinadas às escolas públicas têm de ser preenchidas por candidatos com renda per capita menor ou igual a 1,5 salário mínimo e negros e indígenas têm reserva de vaga.
A maior parte das vagas, 247.888, é ofertada por instituições particulares. Depois, vêm estabelecimentos ligados ao Sistema S, formado pelo Sesi, Senai e Senac, com 30.996 oportunidades. As instituições públicas _ institutos federais, escolas técnicas vinculadas às universidades federais e escolas estaduais e municipais _ têm o menor número, 10.457. Apesar disso, Paim entende que há um incentivo para que as instituições públicas ofereçam também cursos técnicos em áreas semelhantes às existentes nos cursos, aproveitando a mesma estrutura.
O resultado da primeira chamada será divulgado até o próximo dia 29, e as matrículas realizadas entre o dia 30 de julho e 1º de agosto. A segunda chamada será feita dia 5 de agosto e as matrículas estão previstas para os dias 6, 7 e 8. As vagas remanescentes serão então disponibilizadas online para todos aqueles que fizeram o ensino médio, independentemente de terem feito o Enem. O preenchimento será por ordem de inscrição, entre 11 a 20 de agosto. O candidato terá dois dias para fazer a matrícula na instituição, senão perde a vaga.
*Agência Brasil

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: