Stock Car: Eurofarma-RC invade a Ceilândia e faz a alegria de 400 crianças

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Ceilândia, cantada por Renato Russo e conhecida por ser a maior favela do país, segundo o IBGE, está a apenas 30 km do Palácio do Planalto. E foi ali que a equipe Eurofarma-RC aportou ontem, quinta-feira, 24 de abril, para levar o carro da equipe pentacampeã para perto de cerca de 500 crianças do CEF 28, escola municipal de ensino. Segundo a diretora Glauce Kelly, um momento como esse nunca aconteceu por ali, o que deixou a comunidade bastante entusiasmada. “Essas crianças, certamente, nunca viram um carro de corrida ou um piloto profissional de perto, isso é um sonho”, diz.

Além do carro que ficou durante todo o dia no pátio do colégio, por volta das 15h30, os pilotos Ricardo Maurício e Max Wilson visitaram os alunos e tiraram dúvidas sobre a profissão. Logo na chegada, foram recepcionados pelas crianças e jovens que se amontoavam para vê-los de perto. Nayara Ribeiro, de 15 anos, foi uma das primeiras a conseguir um autógrafo. “Só acreditei que eles viriam mesmo quando eles chegaram, é tudo muito lindo”, disse ela.
Um sistema de som foi improvisado pela direção da escola e o carro serviu de palco para os pilotos. Uma onda de aplausos invadiu o espaço quando ambos sentaram no teto do carro para serem vistos por todos. “Eles são gentis e atenciosos, assinaram meu caderno, nunca vou esquecer esse dia”, disse Gabrielli Cristina. Foram mais 90 minutos de visitação e conversa até a despedida. Para a direção, esse tipo de ação é fortalecedora. “Eles aprendem que é preciso trabalhar, estudar e acreditar nos sonhos para alcançar um futuro melhor. E são bons exemplos como esses que ajudam a mostrar que o que fazemos aqui não é só teoria, pode tornar-se real”, diz Glauce.
Para os pilotos, a experiência também foi marcante. “Sem dúvida, foi um dos momentos mais emocionantes da minha carreira. Ver a alegria dessas crianças nos faz bem. Quero repetir essa experiência outras vezes”, disse Max Wilson. O atual campeão, Ricardo Maurício, também aprovou. “Foi incrível, um mar de crianças felizes com o carro, com a nossa chegada. Uma emoção indescritível”.
Na despedida, uma última foto, mais um autógrafo também para os funcionários da escola. Os compromissos agora se concentram no autódromo internacional de Brasília onde acontece a partir de hoje a terceira etapa da competição. Hoje, sexta-feira, começam os treinos livres e os grupos entram na pista a partir das 16 horas. Amanhã terão mais um treino oficial e a classificação para a formação do grid de largada da primeira corrida de domingo. Ao todo serão duas provas, com início marcado para as 12h20 e transmissão ao vivo pela SPORTV.
CrossBrasil

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: