Traficantes impedem Samu e bombeiros de socorrer baleado e adolescente morre em Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e outra do Corpo de Bombeiros foram impedidas de tentar salvar a vida de um adolescente de 16 anos, vítima de disparos de arma de fogo nesta quinta-feira (30), em Ceilândia. Felipe Furtado da Silva foi executado com um tiro nas costas e outro na cabeça, a notícia foi dada com exclusividade no Blog do Protázio. Quando os socorristas chegaram ao local do crime, foram expulsos e ameaçados por traficantes da região.  

Segundo testemunhas, Felipe caminhava com um amigo em uma rua do condomínio Rio Verde quando, de repente, foi abordado por dois homens que passavam num carro prata. Eles imediatamente abriram o vidro do veículo e começaram a disparar. Atiraram pelo menos seis vezes contra o jovem. O amigo dele conseguiu escapar. Na sequência, os assassinos fugiram.  
O local foi isolado. O pai do adolescente morto passou horas aguardando a chegada dos peritos. De acordo com familiares do rapaz, ele já tinha passagens por roubo de veículos e tráfico de drogas. A polícia investiga o caso e a hipótese de acerto de contas não está descartada. Quem vive no local disse que assassinatos são frequentes. E reclama da falta de policiamento na área.
R7 com adaptação

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: