“Um papel político para Filippelli”

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Gente malvada acha que é só para fazer intriga, mas o senador Cristovam Buarque não perde oportunidade para criticar o papel que o Buriti reserva para o vice-governador Tadeu Filippelli. Para o senador, Filippelli “foi um dos elementos mais importantes na campanha que conduziu Agnelo Queiroz ao Buriti, mas a maneira como o governo o trata não me parece correta”. Embora lembre que ele próprio apenas olha de fora, diz que, em sua opinião, “o vice-governador teria uma participação mais de acordo com o desempenho que teve na campanha”.
Não conseguiu

Cristovam acha que Filippelli “não está sendo bem aproveitado, especialmente como articulador político”. Afinal, diz, “ele é um dos melhores articuladores políticos que eu já conheci e não o vejo fazendo articulação”. Aí, uma revelação.  O vice tentou manter Cristovam no governo. “Infelizmente”, diz o senador, “não conseguiu”. E não por culpa dele. 

Por Eduardo Brito

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: